Notícias
Por ano letivo

Parlamento dos Jovens- Ensino Básico

20 Mar 2017

Os Jovens e a Constituição: tens uma palavra a dizer!

No passado dia 21 de fevereiro, nós, Margarida e Samanta, estávamos tão nervosas com a elevada exigência das propostas que iríamos defender no Parlamento dos Jovens que mal conseguimos conversar, estando sempre a rever mentalmente todos os detalhes das nossas medidas. Dirigimo-nos para a Assembleia. Pouco depois de chegarmos, foi iniciada a sessão. Finalmente estava a chegar o momento que há tanto tempo preparávamos e pela qual igualmente ansiávamos. Foram apresentados os deputados do PS e do CDS-PP e os jovens deputados que representavam as escolas de todas as ilhas dos Açores. De seguida, foram feitas as perguntas aos deputados, a nossa primeira intervenção, que já tínhamos previamente preparado. 

 

Depois, foi a hora da apresentação das propostas. Ficámos imensamente impressionadas com a capacidade de prender toda a atenção do público de alguns dos nossos colegas, mas devemos confessar que também ficámos um pouco mais confiantes em relação a outras. Foi seguido o debate para a eleição do Projeto de Recomendação que seguiria para a fase nacional, com o qual estávamos completamente de acordo. Seguiu-se o tão esperado almoço, na qual conversámos e socializámos com alunos das outras escolas. À tarde, reunimo-nos em grupos para apresentarmos propostas de alterações ao Projeto de Recomendação. Trabalhámos em equipa, sempre concentrados no nosso objetivo, e uma de nós, a Margarida, foi escolhida para porta-voz do grupo. Por fim, a hora da verdade! Apesar de não termos ganho, os nossos corações ficaram cheios com esta grande experiência, estávamos felicíssimas com tudo o que este projeto nos proporcionou! Nunca nos vamos esquecer desta fantástica viagem e voltaremos a concorrer no próximo ano!

Elaborado por Margarida Cordeiro e Samanta Matos

 

A segunda-feira do dia 20 de fevereiro não foi uma segunda igual a todas as outras. Não foi a típica segunda em que a última coisa que queremos é sair da cama, nem a que temos que ficar na escola até às quatro da tarde. Esta segunda-feira foi diferente porque todos os alunos de nono ano da Escola Cardeal Costa Nunes foram à ilha vizinha com o propósito de visitar a Assembleia Legislativa Regional dos Açores, onde as alunas Margarida Cordeiro e Samanta Matos iriam representar a escola no projeto Parlamento dos Jovens do Ensino Básico.
Apesar das cadeiras das galerias da Assembleia não serem muito confortáveis foi uma experiência para recordar. Ver todos aqueles jovens, de todas as ilhas, reunidos para tornar a nossa constituição melhor, deu-nos uma melhor visão do que se passa realmente a nível político da nossa região.
Depois de algumas horas, os nossos estômagos começaram a apertar e todos desfrutamos de um bom almoço em restaurantes diversos escolhidos pelos próprios alunos ou pelas professoras que nos acompanhavam.
Finalmente, todos estavam um pouco livres e passeámos pela ilha. Não só visitámos o modelo e outras lojas como também descansamos na relva a apanhar o sol de inverno.
Tivemos então que voltar para a Assembleia onde tivemos uma detalhada visita guiada na qual ficamos a conhecer todo o edifício e a sua história. Para além disso, ficamos a conhecer quantos deputados de cada ilha eram escolhidos para falarem na assembleia e de que forma.
Já ficava tarde e não nos podíamos atrasar para a lancha, por isso encaminhamo-nos para o Terminal Marítimo do Porto da Horta. Fizemos uma viajem maravilhosa e algumas alunas dizem que até viram golfinhos! Foi uma segunda diferente. Uma boa segunda.
A turma do 9ºA espera que haja mais destas!
Elaborado por 9ºA

 

“A visita à Assembleia foi muito interessante, porque conhecemos muitas coisas, que me eram desconhecidas. […] primeiramente foi-nos apresentado o pátio onde se encontravam duas pirâmides, algumas partes do chão representadas em basalto, no pátio também havia muros altos e as bandeiras. Depois fomos para o interior onde nos foi apresentado um local onde as ilhas estavam expostas em basalto. Também passamos num local onde estavam expostas algumas pinturas e obras de arte de grandes artistas. Nesta visita de estudo estavam lá presentes todos os nonos anos da Escola Cardeal Costa Nunes, quem nos acompanhou foi a professora Sílvia Rosa […]. “ Guilherme Garcia 9º B “[…].
Assim que cheguei à entrada do Parlamento apercebi-me que este tinha uma entrada peculiar, pois via-se duas pirâmides nascerem ali do nada, mais tarde descobri que representavam a montanha do Pico. […] Mais de tudo, o que mais gostei, foram as perguntas feitas de escola contra escola, pois lá havia ataques e contra-ataques onde todos tentavam defender os seus projetos e atacar os projetos adversários.” Flávio Pedro 9º B “[…].
Na Assembleia assistimos ao debate entre os jovens de várias escolas dos Açores, o debate ocorreu na sala do plenário, achei interessantes as propostas dos alunos, fiquei a conhecer como ocorrem os processos do debate. A nossa manhã foi ocupada pelo decorrer do debate. […]” Adriana Rodrigues 9º B “[…]
gostei porque convivemos todos num ambiente diferente, cheio de alegria e simpatia. Quando chegamos à Assembleia Legislativa, à primeira vista, o edifício era bonito, com cor de tufo vulcânico, com o largo de calçada e com duas estruturas em forma de pirâmide a imitar os vulcões. […].” Tatiana Santos 9º B

 

A nossa visita de estudo deu-se no dia 20 de fevereiro de 2017, no âmbito da disciplina de História e Cidadania, organizada pelos docentes Lucília Amaro e Francisco Medeiros, reunindo as turmas do A, B e C do 9.º ano. Fomos acompanhadas na nossa deslocação à cidade da Horta pelas docentes Sílvia Costa, Sílvia Rosa e Gracinda André. Esta visita teve como objetivo que nós jovens demonstrássemos mais interesse pela vida política e pelas instituições democráticas, desenvolver competências de interpretação de informação a partir da realidade e conhecer o significado do mandato parlamentar e o processo de decisão do parlamento. A sessão do Parlamento dos Jovens reuniu jovens “deputados” de todas as ilhas dos Açores, que debateram o tema “A Constituição. Tens uma palavra a dizer ”. O debate foi desenvolvido individualmente e colectivamente e deu-se no plenário onde estavam reunidos dois deputados, Carlos Ferreira e João Curvelo, o Secretário Regional da Educação, José Freire, a presidente de mesa, Ana Luísa Luís e todos os jovens “deputados”. Foi-nos dada umas horas para podermos almoçar e conviver com os nossos amigos e colegas. Em seguida, tivemos uma visita guiada à instituição referida acima, onde podemos ficar a conhecer o nome do seu arquiteto, a sua data de edificação e todas as suas características. O que nos chamou mais à atenção foi a maquete das nove ilhas da Região Autónoma dos Açores. Nós a turma do 9.ºC achámos esta visita de estudo muito pertinente, objectiva, cativante e muito pedagógica. Elaborado por 9ºC
Ler 249 vezes Modificado em Segunda, 20 Março 2017 21:26

Itens relacionados