Notícias
Por ano letivo

07 Jun 2021 Em 2020-2021

No âmbito da área curricular Trabalho de Projeto a turma do 10.º CT, trabalhou o Domínio de Educação Ambiental em articulação com a Cidadania e Desenvolvimento e com a Eco escola, elaborou uma notícia, uma apresentação, vídeos e kahoots que visaram sensibilizar a população para a política dos 7 R’s, informá-la sobre os problemas ambientais, sensibilizá-la para a poluição dos oceanos e dar-lhe a conhecer a nossa fauna e flora e como a proteger/preservar.

Divulga-se, para conhecimento da comunidade escolar dois textos elaborados pelos alunos Daniela Bettencourt e Lucas Alvernaz sobre a influência dos oceanos na vida moderna e sobre como devemos proceder para reverter danos causados nos oceanos.

 

 

 

Os oceanos representam 71% da superfície da Terra e contêm 97% de toda a água do planeta e, desde a origem da vida humana, desempenham um papel essencial, não somente para o Homem, mas para todo o planeta. Influenciam o clima e as condições meteorológicas, estabilizam a temperatura, moldam a química terrestre e providenciam um lar para a maior diversidade de espécies do planeta.

Para além disso, os oceanos contribuem para a evolução energética que a população mundial exige em diferentes contextos para desempenhar funções também elas diferentes. São energias renováveis com grande projeção para o futuro. Através da evolução da energia das marés, energia das ondas e conversão de energia térmica oceânica, podemos aplicar o nosso conhecimento do oceano e usar a sua força para gerar poder energético.

Também são dos principais reguladores de vida no planeta, os oceanos são os responsáveis pela regulação da temperatura, produção de grande parte do oxigénio e abrigam cerca de 80% das espécies vivas existentes no planeta Terra.

Do ponto de vista económico, os oceanos estão presentes na alimentação, na extração de minerais e na mobilidade das pessoas e de materiais.

Finalmente, os oceanos apresentam uma grande importância a nível político, têm a função de separar os continentes e países.

Sendo a poluição dos oceanos um grave problema atualmente, estas e outras funções ficam comprometidas, será que vamos a tempo de reverter estas atitudes comprometedoras?

Sabia que, em média, são despejadas oito milhões de toneladas de lixo nos oceanos anualmente? Este número equivale ao tamanho de cinquenta e sete mil baleias azuis. Mas como prevenir este e outros problemas que envolvem os oceanos?

Cada indivíduo é responsável pelos impactos, positivos ou negativos, das suas atitudes! Para diminuir a contaminação das águas é importante mudar algumas ações como:

  • Não despejar o óleo de cozinha nos esgotos domésticos;
  • Colocar o lixo sempre num local adequado e amarrar bem os sacos antes de colocá-los no ponto de recolha;
  • Reduzir o desperdício de água fechando as torneiras ao escovar os dentes, o chuveiro durante o banho, entre outros…;
  • Usar menos produtos químicos para limpar a casa, investindo em produtos biodegradáveis;
  • Não abandonar nenhum material como sacos de plástico e embalagens nos rios, lagos e mares;
  • Manter a manutenção dos veículos em dia, pois carros com problemas de derramamento de óleo ou que causam poluição excessiva vão acabar por contaminar as águas que chegam às torneiras domésticas.

 

Repense as suas atitudes.

 

12 Nov 2020 Em 2020-2021

ECCN foi convidada e representará a região como Eco-Escola mais antiga da RAA.

Somos Eco-Escola desde 2000/2001

 

Galardão Eco-Escolas 2020 este ano aberto a todos.

Assista ao evento!

 

 

13 de novembro |  13h30 DIRETO no You Tube ABAE! e Facebook Eco-Escolas

04 Dez 2019 Em 2019-2020

Uma cadeira de rodas em troca de tampinhas

Clube do Ambiente da ECCN recolheu 1340 Kg de tampas 

No âmbito das comemorações da Semana Europeia da Prevenção de Resíduos, no passado dia 27 de novembro, a responsável pela empresa RESIAÇORES, Janete Silva, veio entregar à Escola Cardeal Costa Nunes uma cadeira de rodas, adquirida com o apoio da Farmácia Lajense, depois de ter recebido nos últimos anos cerca de 1340 kg de tampas de garrafas de plástico, que foram recolhidas pelos alunos e toda a comunidade local de todas as idades. 

27 Mar 2019 Em 2018-2019

Com mais de sete toneladas de Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrónicos (REEE) recolhidos, a Escola Cardeal Costa Nunes é a segunda de todo o país com a maior recolha destes detritos altamente nocivos para o meio ambiente e com a sua ajuda pretende liderar o pódio deste projeto da Geração Depositrão.
A Escola Cardeal Costa Nunes lidera a recolha de Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrónicos (REEE) e pilhas em todo o arquipélago, tendo, com o apoio da Câmara Municipal da Madalena, coletado 7192 quilos, o que faz da nossa escola a segunda melhor classificada do país, no projeto Geração Depositrão.
Depois do sucesso da iniciativa nos últimos anos, os alunos madalenenses querem novamente este ano conquistar um lugar de destaque na iniciativa, apelando a toda a comunidade para uma participação em massa nesta campanha que se prolonga até ao final do ano letivo 2018/19 (junho de 2019).
Para colaborar neste projeto, basta que deposite até ao final do ano letivo resíduos, tais como secadores de cabelo, máquinas de café, máquinas fotográficas, televisões, computadores, consolas, telefones/telemóveis, pilhas, baterias, no Ponto Eletrão da nossa escola, da sua freguesia ou solicite, gratuitamente, a sua recolha à Câmara Municipal da Madalena.

“Participe! Tenha pilhas de consciência e carregue as baterias do Planeta!”

Clube do Ambiente